Estrela da Vida



INEM_logo Posted by Hello

Esta semana dei (mais uma vez) conta que há coisas muito familiares e, ao mesmo tempo, desconhecidas. Foi o caso do significado das seis pontas da estrela da vida, a estrela azul que identifica os cuidados de emergência médica!

Toda a gente conhece – e o que quer dizer, também?

Conhecida como a «Estrela da Vida», tem seis pontas (deveria dizer faixas), com uma serpente enrolada num bastão (que simboliza a saúde) na zona central. As seis pontas da estrela correspondem às seis fases de um ciclo completo de acções de emergência.

Começando na de cima, central, e seguindo dos ponteiros do relógio, encontramos:

1 – Detecção

quando a existência de uma situação de emergência é identificada por alguém.

2 – Alerta

aquele passo que todos os cidadãos devem fazer – para o número nacional de socorro: 112.

Vou parar aqui um bocadinho porque é importante saber que a chamada é atendida por um operador da Central de Emergência que, com base na informação, envia os meios de socorro apropriados e/ou transfere a chamada para o Centro de Orientação de Doentes Urgentes (CODU) do INEM. Por isso, este passo é muito importante – deve informar-se, de forma clara, o tipo de situação (doença, acidente, parto, etc.); a localização exacta e, sempre que possível, pontos de referência; a gravidade aparente da situação; o número, o sexo e a idade aparente das pessoas a necessitar de socorro; o que se observa e a existência de qualquer situação potencial de perigo que possa exigir outros meios para o local.

3 – Pré-socorro

4 – Socorro no local do acidente

A Viatura Médica de Emergência e Reanimação (VMER) é um veículo de intervenção pré-hospitalar, destinado ao transporte rápido de uma equipa (médico e enfermeiro) directamente ao local. Actuam na dependência directa dos CODU, com base hospitalar, funcionando como uma extensão do Serviço de Urgência na comunidade. Têm como principal objectivo a estabilização no local e o acompanhamento durante o transporte de vítimas de acidente ou doença súbita em situações de emergência.

5 – Transferência e tratamento definitivo

6 – Cuidados durante o transporte

A estrela da vida é marca registada – daí o ® – em nome da National Highway and Traffic Safety Administration (NHTSA). Portugal solicitou e obteve o registo do símbolo que é usado exclusivamente em Emergência médica – seja nos veículos, por pessoal preparado (por isso, o pessoal da VMER a usa nas camisolas) ou em mapas e sinais de estrada para indicar a localização ou o acesso a serviços de cuidados médicos de emergência qualificados.

Estrela da Vida: seis passos de um ciclo de resposta à emergência.

About these ads

5 thoughts on “Estrela da Vida

  1. Esta resposta é curtinha: Obrigado.
    Ainda assim, devolvo: só se forma quem quer formar-se…
    Portanto, também está nos olhos de quem olha, isto é, lê.
    :-)

    Gosto

  2. Olá, é com muito agrado que visito o seu blog. Nele eu aprendo muito, fico-lhe muito agradecido.
    E como aluno de enfermagem que sou, a senhora consegue transmitir-me de forma virtual o carinho, e o gosto em prestar cuidados às pessoas…
    Cumprimentos,
    Mário Correia

    Gosto

  3. Mário, obrigada. A sério.
    É bom saber que passa por aqui e que é estudante de enfermagem (de que ano?).
    Escolheu uma profissão fabulosa, como deve saber – pelo menos, eu acho que é…
    :-)

    Gosto

  4. Deixe-me só fazer dois reparos num post que acho fantastico, quando liga 112 a chamada é atendida na central 112 por operadores da policia, não são enviados meios de socorro por esses operadores, só autoridade, para outros meios a chamada é encaminhada para o CODU em casos de emergência ou para o CDOS em caso de incêndio (muita gente não conhece o 117), onde as situações são triadas e enviados os meios necessarios.
    O outro trata-se da fase do socorro, o socorro é feito por ambulâncias sbv (suporte básico de vida) tripuladas por técnicos de emergência, a VMER é um meio diferênciado de apoio em situações mais graves, dependendo da região do pais existem também meios como as siv tripuladas por um TAE e um enfermeiro, motas tripuladas por um TAE, entre outros.

    Sempre bom fazer fazer perceber como funcionam as fases do SIEM (Sistema Integrado de Emergência Médica) até para todos perceberem que um bom alerta e colaboração nas triagens que são feitas são a melhor forma de conseguir mais rapidamente os meios necessarios no local.

    Gosto

Deixar uma resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

WordPress.com Logo

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Log Out / Modificar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Log Out / Modificar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Log Out / Modificar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Log Out / Modificar )

Connecting to %s