# 1070 | Pensamento do dia

reading bench_Paris

“Qual foi o génio que inventou o banco público? No nosso mundo cada vez mais controlado, dirigido e digitalizado, o banco público de madeira é um oásis de liberdade no meio da cidade. No banco pode ler, dormitar, comer a sua sanduíche, meditar e reflectir sobre a vaidade dos desejos humanos. (…) O banco oferece convívio, privacidade e conforto. Tudo isto sem custos nenhuns”

Tom Hodgkinson e Dan Kieran, O Livro dos Prazeres Inúteis, Quetzal (p.39)

2 thoughts on “# 1070 | Pensamento do dia

  1. Pingback: Gosto por bancos… | Conversamos?!…

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s