400 anos da morte de Cervantes e Shakespeare

Screenshot_4

Dois escritores de dimensão universal, com a mesma data da morte – 23 de abril de 1616 –, William Shakespeare e Miguel de Cervantes Saavedra. Corrigindo, oficialmente, morreram a 23 de abril. Mas naquela altura, a Inglaterra usava o calendário juliano enquanto a Espanha já tinha adotado o gregoriano pelo que o 23 de abril em que Shakespeare morreu corresponderá ao nosso 3 de maio. E ainda há a tese de que Cervantes teria morrido no dia 22 (como o site oficial das comemorações afirma). Nada que atrapalhe as celebrações dos 400 anos…

Vale a pena explorar o “Especial” do El País. Um capítulo sobre Cervantes (Parte I), um capítulo sobre Shakespeare (Parte II) e dos dois génios unidos (Parte III).

 

Screenshot_1

Apresenta ao mesmo tempo as cronologias de Cervantes e Shakespeare, com umas anotações sobre a época

Screenshot_2

e uma série de artigos, refletindo o impacto e inspirações posteriores.

Italo Calvino: “Un clásico es una obra que suscita un incesante polvillo de discursos críticos, pero que la obra se sacude continuamente de encima”.  La eterna novedad de los clásicos

Screenshot_3

El País…

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s